Tuesday, December 02, 2008

SONHO

Há quanto tempo não te vejo?
Há quanto tempo não povoas o meu desejo?
Já nem sei…
Esqueci, esqueci-te(?), tentei…
Forcei-me a esquecer
Continuei a viver…
Esta noite regressaste
E no meu sono entraste
Sem pedir licença
Cheio de confiança
Ocupaste o meu sonho
Com o teu ar risonho
Não sei onde estávamos
Falávamos…
Dois velhos amigos
Do tempo esquecidos
Olhares enternecidos
Em pensamentos perdidos
Sinto a doçura do teu olhar
A ternura da tua voz
A carícia suspensa no ar
Dentro de nós
Não te toquei
Não te amei
Acordei…

(Imagem retirada da net)

10 comments:

laida said...

Bonito sonho
e bonita imagem.
BEIJOS

Isabel said...

que bonito....

AB said...

Que poema lindissimo daria este sonho.
Beijinho e boa semana.

cilinha said...

simplesmente lindo!!! lindo poema
lindo sonho, linda imagem...

Bjocas boa semana

Sandra said...

Belo poema!

Obrigada por mais uma visitinha ;-)

Quanto à Tailândia, a instabilidade política, parece estar a melhorar e a situação a regularizar!
Achei maravilhoso ires lá anualmente passar o Natal;-)

Também quero!LOL
Eu e os meninos nunca andámos de avião :(
Espero ter oportunidade, de um dia destes dar uma "voltinha" com eles, até lá espero sentada!

Beijocas boas

Ângela e Daniel said...

Adorei!
Beijocas

Sofia, Pedro e Joana said...

Belissimo!
Mamã,gostaria de te pedir o teu email. É que eu estou a preparar uma surpresa de Natal e gostaria de vos incluir na minha lista.
Podes enviá-lo para sophia_sousa@yahoo.com
Peço-te o especial favor de colocares o endereço do teu blog porque a minha lista está organizada pelo nome dos mesmos. Assim é mais fácil para mim dar baixa do teu endereço quando responderes.Obrigada!
Beijinhos, Sofia,Pedro e Joana

sorrisos da minha alma said...

Tão lindo!
Bjs

Ana Guida said...

tens mt jeito pr a escrita :)

bjs*

Pietra said...

Simplesmente lindo!