Wednesday, May 20, 2009

FESTA

Chegámos à escola um pouco mais cedo.
Estavam a formar fila para ir à casa de banho. Vários pares de olhinhos curiosos fixavam-nos.
A amorinha ficou atrapalhada quando nos viu, com um ar de marota divertida mas ao mesmo tempo aflita. Não veio ter connosco mas quando começaram a andar em fila indiana para ir à casa de banho veio agarrar-se às minhas pernas. Não queria ir, parecia ter medo que desaparecêssemos. Assegurei-lhe que esperávamos por ela e lá foi junto com os outros pequenitos.
Regime meio militar, a professora da turma do lado contava 1,2,3,4 enquanto eles “marchavam” em direcção à casa de banho.
No regresso acenavam-nos e comentavam que era o aniversário da amorinha.
Entraram na sala e sentaram-se à espera do que se seguia.
Uma mesa e uma cadeira estavam colocadas no centro da sala e a amorinha sentou-se lá.
Quando tirei o bolo ficaram todos muito contentes. Era um simples bolo de chocolate feito por mim, decorado com pasta americana cor de rosa e com florinhas, muitas feitas pela amorinha em casa da madrinha do mano. Ela informou a professora e os coleguinhas que também tinha feito as letras do nome dela.
Acenderam-se as velas, cantaram-se os parabéns e tiraram-se fotos. Ela com o bolo, com o papá e a mamã, com a professora e a assistente e com os coleguinhas.
Depois foi a distribuição do bolo com florinhas para todos. Houve quem gostasse e pedisse para repetir, outros nem tocaram. O sumo Compal (passe a publicidade) desconhecido de muitos alunos de origem chinesa, “voou” num instante.
A distribuição da prendinha aos coleguinhas, composta por um caderno A5 de personagens disney, caneta a condizer e um recipiente com uma toalhita pequena- que eles usam à hora de almoço e um ovo Kinder foi a alegria geral. Principalmente o ovo.
A amorinha estava feliz e nós ficámos felizes.
Veio connosco para casa onde ficou à espera do mano. Nós continuámos para o trabalho. Sábado há mais, a festa conjunta.

9 comments:

Silvia said...

Que giro! No meu tempo não se faziam assim festas, só quando cheguei à 4ª classe é que uma colega levou pela primeira vez um bolo para o colégio e nesse ano todos fomos levando (mas sem pais!), e depois nunca mais! Fico contente por ter corrido tão bem e ela ter ficado feliz! :) Beijinhos!

Patrícia said...

Eles sentem-se especiais nestas ocasiões!!!
De certeza que os amiguinhos vão falar da festinha durante uns dias!

Bjs

Sónia Alexandra said...

Essas festas são sempre especias...o meu faz anos dia 8 de junho e vai levar o bolinho, fazendo a festinha com os amigos. jinhossssssssssss

ameixa seca said...

Tão lindo! Deve ter sido uma alegria só :)

Tataruga said...

Que giro. Imagino aquelas carinhas felizes:)))) O que eu adoro festas de anos de crianças!!!!!
Beijinhos grandes

Bárbara - Sol e Lua said...

que ideia engraçada no regime militar eh eh eh eh eh eh eh eh eh

4 anos jáaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

Beijocasssssssss

cilinha said...

olá!!!!
antes de mais Parabens a tua amorinha , atrazados ....bem pelo que contas ,a festa correu muito bem , pois eu faço ideia a alegria das crianças , principalmente amorinha , porque ter uma festinha na escola , é uma alegria para eles ....

beijos....

AB said...

Eles sentem-se tão felizes na altura da festa. Sentem-se especiais, importantes... e o dia torna-se inesquecivel.
Beijoca

Ana Fundo said...

OLá,
Parabéns atrasados à Amorinha, e imagino a alegria dela de compartilhar um dia tão especial com os amiguinhos.
O meu Pedro também adora levar o bolinho para o colégio e partilhar a festinha com os amigos.
A Inês tem tido mais azar, pois o aniversário dela é sempre nas férias de Verão.
Um beijinho e bom fim de semana
Ana