Thursday, June 18, 2009

H1N1

A Cidade do Santo Nome de Deus sempre escapou às doenças que ultimamente andam por aí, principalmente a pneumonia atípica (SARS) e a gripe das aves. Diziam os locais que está protegida por Deus. Também dizem que está protegida da gripe A H1N1. Ou estava.
Primeiro foi um indiano que esteve no Venetian durante a cerimónia dos óscares de Boliwood. A gripe só se manifestou dois dias depois em Hong Kong, mas a empregada da limpeza de quarto, que foi quem teve contacto mais próximo com ele está sob observação médica.
Ontem foi comunicado pelos Serviços de Saúde o primeiro caso importado da doença.
Um cidadão filipino que vinha de férias a Macau.
Chegou a Macau no dia 17 de Junho pelas 21h30 no voo 5J362 da Cebu Pacific e estava sentado no lugar 14 C. Não chegou a sair do aeroporto pois foi detectado que o mesmo estava com febre.
Encontra-se em situação estável no Hospital Conde de S.Januário.

Espero que a gripe não se agrave para que não seja elevado o nível de alerta que fará encerrar as escolas... e espero que esta gripe passe rapidamente embora não acredite nisso.

Na próxima semana o resultado de Quem Sou Eu. Será que acertaram? Muitas acertaram...

8 comments:

Patrícia said...

É complicado...

E, aos poucos, a doença tem vindo a alastrar...
Não sei não...

Bjs

Ana Fundo said...

Vamos ver...vamos ver..
É preciso é ter pensamento positivo.
Beijinhos

kriz said...

espero mesmo que a coisa não avance...
bjs***

Charilas said...

Sim, espero bem que este surto não alastre... e que aí não obrigue a medidas mais drásticas e que complicam a vossa rotina do dia a dia...

Eu gostava muito de vos rever este ano, sim! Ainda tens o meu contacto?

Beijinhos e bom fim de semana!

IsaMar said...

estamos sempre à espera que esta gripe não nos bata à porta. MAs parece-me que está cada vez mais difícil de fugir a ela.

Gosto do seu blog. Irei segui-lo a partir de hoje.

Cumprimentos

Visite os meus trabalhos em

www.isamar.meustrabalhos.blogspot.com

ameixa seca said...

Fónix, espero que consigam combater esta epidemia! Já bastam todas as doenças que andam por aí!

laida said...

E todos estamos sujeitos a contrai-la, DAQUI A NADA TEMOS MEDO ATE DE SAIR DE CASA!!
Beijos

Ana Santos said...

Aqui neste fim de mundo, no meio do Atlântico plantado, por causa do aeroporto, já chegou a praga dos pardais, o escaravelho japonês, até as térmicas por cá já moram e a gripe H1N1, já houve falsos alarmes. Vamos a esperar que sejam só falsos alarmes.
beijinhos,
Ana e seus tesourinhos