Tuesday, October 05, 2010

SUSTO

Ontem o meu boneco apanhou um dos maiores sustos da vida dele senão o maior mesmo.
Quando acabou o futebol, que recomeçou ontem depois de ter parado Agosto e Setembro, não estava ninguém para o apanhar. O papá atrasou-se e eu só acabo a ginástica 10 minutos depois do futebol dele.
Começou a ver os colegas a irem todos embora e começou a ficar aflito e a chorar. Deve ter-se sentido completamente abandonado…
Quando saí da ginástica e ia para o campo de futebol uma amiga parou o carro e lá dentro estava um boneco de olhos muito vermelhos, a soluçar, completamente lavado em lágrimas. A minha amiga explicou-me que ele estava aflito porque ninguém o ia buscar. A atrapalhação era tanta que nem conseguiu encontrar o telemóvel que tem na mochila do futebol para usar caso aconteça alguma coisa. A minha amiga tinha-me telefonado, mas eu estava precisamente a tirar o telemóvel da mala para ver se tinha chamadas não atendidas quando ela parou junto a mim (na aula de ginástica está no silêncio).
Lá expliquei ao boneco que o papá por vezes atrasa-se por causa do trânsito e que ele só tem de esperar porque eu quando saio da ginástica também vou ter com ele, mas como saio 10 minutos depois dele e ainda preciso de uns 5 minutos para chegar até ao campo parece que é muito tempo.
Ele depois explicou que já tinham ido todos embora e só estava ele e que os filhos da minha amiga eram os últimos a ir embora e foi o filho da minha amiga que pediu à mãe para me ligar.
Ai, o meu boneco, senti um aperto no coração ao vê-lo tão perdido. É uma sensação horrível! Espero que nunca mais lhe aconteça tal!

7 comments:

sandra said...

beijos para ele...grandes...tadinho..

IMaria said...

Pois deve mesmo ter sido um sudto de morte para o pequeno. Pobre coitado. mas a vida tem destas partidas que não podemos controlar..

jinhos meus

Miduxe said...

compreendo-te perfeitamente,sentimo-nos mal por "deixà-los" passar por estas coisas. Mas o facto é que pode acontecer.bjs grandes

ameixa seca said...

Oh tadinho, deve ter sido uma aflição bem grande mesmo. Eu era assim quando pequenita, nem podia ver os meus pais desviados de mim 5 minutos que desatava num berreiro (também, eu não era muito normal he he) :)

Helena said...

tadinho, mas já passou.
beijocas

Monica said...

'tadico!
Imagino o susto.
Bejocas

maria-joão said...

Olá! faz tempo tempo que não vinha ver novidades do Boneco e encontro logo um susto destes. Sei como é aflitivo também para nós ao ver a aflição deles. Mas se voltar a acontecer ele já saberá o que se passa.