Tuesday, September 01, 2009

MADEIRA: DIA 2

25/7:
O pequeno-almoço revelou-se mais agradável do que o que estava à espera porque os comentários falam bastante mal do mesmo. A única coisa com que concordo é que os ovos mexidos são pouco passados… Mas havia ovos cozidos, iogurtes Danone, cereais, fruta fresca (ananás, kiwi, papaia) e enlatada, leite, várias qualidades de pão, compota e aquelas coisas que eu não como, bacon frito, feijão e outros do género.

O senhor do aluguer do carro (empresa Madlobos) chegou e num instante estávamos de partida para o nosso percurso do primeiro dia.

Saímos do hotel em direcção a Câmara de Lobos e depois para o Cabo Girão, sempre pelas estradas antigas para ver as belas paisagens madeirenses. Claro que quem quiser pode ir pela via rápida, mas são túneis e mais túneis e não se vê nada.
Parámos no Cabo Girão e depois seguimos para Ribeira Brava, sempre pela estrada antiga. Almoçámos num restaurante à saída de Ribeira Brava em direcção à Encumeada. Seguimos mais uma vez a estrada antiga e a paisagem é muito bonita. As nuvens a tocar nas montanhas, as estradas que pareciam túneis verdes, tudo muito bonito.
Posted by Picasa

Em S. Vicente visitámos as grutas vulcânicas e o centro vulcânico e o boneco aprendeu como nasceu a ilha da Madeira.

Telefonei a uma amiga madeirense que não via desde os tempos de faculdade, há uns 16 anos e fomos a casa dela, na Terra Chã. É engraçado encontrar amigos que já não vemos há tanto tempo. Continua igual, mas mais velha, claro. Ela achou o mesmo de nós e adorou conhecer os bonecos.

Depois de muita conversa e da promessa de tentar manter o contacto, seguimos para Porto Moniz pela Estrada Antiga. É engraçado que há vários avisos sobre o perigo de queda de pedras na estrada e a informar que a utilização da mesma é da responsabilidade dos utentes. Acaba por ser também assustador, mas é uma viagem muito bonita, com pequenas quedas de água que caem na estrada e em cima do carro quando passamos. Os bonecos adoraram!

Daqui continuámos em direcção ao Paúl da Serra, a única zona plana da Madeira, onde “nos perdemos” no nevoeiro e onde entre o nevoeiro apareciam umas vacas na estrada. O meu boneco delirou, ela dormiu. Depois passámos as nuvens e ficámos por cima das nuvens a andar de carro, uma experiência nova para o meu boneco que estava a adorar!

Para não voltar pela Encumeada (mais rápido) fomos em direcção a Canhas, mas a estrada é horrível… Apanhámos depois a via rápida para regressar ao Funchal.
Posted by Picasa

6 comments:

Cindy said...

Também tenho que lá ir, mas tem de ser de barco, porque passados anos e anos a andar de avião, o meu marido apanhou fobia!!!

Beijocas grandes

Mãe da Rita said...

Belas fotos! Fui lá quando tinha 17 anos, ainda não havia vias rápidas... Bjs!

ameixa seca said...

Gostava muito de conhecer a Madeira e de provar a gastronomia típica :)

Patrícia said...

Já fui à Madeira.
Tem paisagens lindas.
Fiquei impressionada pela quantidade de túneis que lá existe!
E come-se muito bem!

Bjs

Pietra said...

Não conheço a Madeira, quem sabe um dia! Gostei de ler os posts.
Parabéns, embora atrasados e que tenhas muito amor e saúde, que é o que mais desejas.
Bjs

Lisa_pt + Gil said...

Fazes-me sentir saudades desses locais, tb adorei qd lá estive, mas ainda nem tinha o Gil!

Tb andámos sp pelas estradas secundárias!