Monday, February 21, 2011

FIM-DE-SEMANA

Já não sei o que fazer à amorinha para a alertar para os perigos de não colocar as mãos à frente da cara quando cai. Sexta-feira voltou a cair na escola e bateu com a cara no chão. Já sabia que eu ia ralhar com ela e não me queria dizer como se tinha magoado, dizia que não se lembrava. Mas eu tanto insisti que ela confirmou o que eu disse, que tinha batido com a cara no chão. Na face do lado direito tem uma “bola” negra.
E, perdeu o saco da biblioteca com o cartão lá dentro na escola e não aparece…

Não percebo como é possível os fins-de-semana passarem tão rápido.
Planeio sempre fazer tantas coisas, mas o tempo não permite fazer nem metade delas.
Este fim-de-semana não foi excepção. Sábado de manhã os bonecos foram para um curso de culinária. O boneco adora cozinhar e decorar os pratos e ela preocupa-se imenso que quando for mamã não sabe cozinhar. Além disso costumam assistir a um programa de televisão que é um concurso onde os miúdos cozinham várias coisas diferentes e vão sendo eliminados e eles adoram.
A aula começou às 9:30 e durou até depois do meio-dia. O boneco fez par com a amorinha e fizeram uma sandes com ovo cozido, alface e bacon que comeram, nem cheguei a ver a deles, só a dos outros. Fizeram também uma salada que foi partilhada por todos (e que eu também não vi). Para a semana vão fazer bolo. Os miúdos estão a adorar, não só os meus, mas todos os outros que foram.
À tarde foi a vez da mamã ir a um workshop aprender a fazer a pasta de açúcar para decorar bolos. Foram duas horas bem passadas num dia horroroso com muita chuva molha parvos.
À noite foi treino de hóquei em patins e estava lá um amigo nosso com a filha, que era a segunda vez que ia aprender a andar de patins e a amorinha e ela divertiram-se bastante com a amorinha a fugir e a amiga a tentar apanhá-la.

Domingo continuava cinzento embora já não chuviscasse. Fomos à missa, depois o boneco teve catequese e ficámos no jardim com a amorinha até ele acabar.
Horas de almoço e fomos experimentar o restaurante Ao Grama, na Taipa, onde se paga o que se come, o que para mim sai barato pois como pouco. O filho é que é um grande carnívoro e também adorou pois praticamente só comeu carne e salada.
E o papá que não tinha vontade nenhuma de ir experimentar afinal até gostou.
À tarde o boneco precisava de estudar pois tem teste de mandarim amanhã e eu estive a pintar um desenho com a amorinha com brilhantes e colas. Uma tarde bem passada em que não fizemos nada mas o tempo parece que voou.

5 comments:

IMaria said...

Pois Sandra, parece que acontece a todos. Eu no sábado estive mais de uma hora a fazer bolas com o que tu me comopraste. Fiz 26 bolinhas...
Parece ser mais fácil e ficam mais bem feitas do que as que fazia antes. Mas por vezs, houve uma ou outra que não saíam tão bem. Depois hei-de mostrar-te uma foto.

jinhos e boa semana

Autora de Sonhos said...

O tempo voa mesmo...

The Dream Came True said...

Os meninos num curso de culinária:)até os imagino de chapéu de cozinheiro, e tudo...q giro
Bj

Miduxe said...

ui! esperemos que a mazela passe depressa e não deixe marcas na carinha laroca (como dizem as avós)
Por cà foi o mais pequeno que caiu na aula contra um banco e a professora ficou tão impressionada com o galo que me pediu que o fosse buscar para o vigiar...não passou de um grande susto!
bjs grandes
Miduxe

Miduxe said...

ui! esperemos que a mazela passe depressa e não deixe marcas na carinha laroca (como dizem as avós)
Por cà foi o mais pequeno que caiu na aula contra um banco e a professora ficou tão impressionada com o galo que me pediu que o fosse buscar para o vigiar...não passou de um grande susto!
bjs grandes