Tuesday, April 24, 2007

HOJE

Hoje queria
Ter asas para voar
Poder sair por aí
Em liberdade
Voar, voar, voar
Até me cansar
Ver tudo lá de cima
De um prisma diferente
Um mundo distante
E tão presente
Mas visto de cima
Tudo é mais simples
Tudo é pequeno
Os problemas evaporam
Desaparecem
Face a tal imensidão
A minha solidão
Passa para outra dimensão
E o coração
Sente-se mais leve
Recordo quem me faz feliz
Recordo o que se diz
Sorrio para mim
Para ti, para o mundo
E encontro coragem para regressar
Para aterrar
Os dois pés firmes
Em terra
Pronta para enfrentar
Pronta para continuar a lutar.


NOTA: Escrito no final do ano de 2006 mas que podia ter sido escrito a semana passada...

10 comments:

Monica said...

BEIJOCAS!!

Pensamentos Felizes said...

Finalmente!!! Consegui colocar um comentário.
gostei muito do poema, há dias em que me apetece fazer o mesmo :)
beijinho
Cris

Mãe Mimocas said...

LiNdO!

Sandra said...

Também me sinto assim às vezes...E tu consegues por isto por palavras de uma forma maravilhosa.

Um grande beijinho,

Sandra

Tixa said...

Lindo!!!
Adorei apetecia-me plagear e colocar no meu cantinho LOL
Bjcas grandes

Mãe Frenética said...

Q bonito!...

Mamã P. said...

Boa, assim é que é!

Marita said...

As vezes sinto o mesmo...Apetece-me voar, fugir para um lugar distante e ficar sozinha durante um tempo.

beijinhos

Karmen said...

Gosto muito da maneira como expões os teus pensamentos.

Beijokas grandes

http://algodaodoce.freehostia.com/blog/

carla said...

Um beijo enorme!!!

( andei longe destas lides)