Thursday, January 18, 2007

UM PEQUENO GÉNIO

Em conversa com uma menina blogueira, minha homónima (e tu sabes quem és) descobri que tenho um pequeno génio lá em casa. E antes de continuar deixem-me dizer que sim, sou uma mamã muito babada, mas acho tudo o que eles fazem e aprendem perfeitamente normal.

Ora vejamos, o meu filho aprendeu o abecedário aos 2 anos, não sei precisar quando, ele interessava-se pelas letras dos livros e eu comprei um livro que tem o abecedário e exemplos de palavras começadas por essa letra, era em inglês e muitas vezes eu ensinava o A for Apple, Maçã. Aos poucos ele foi memorizando. Na creche também ensinavam a música do ABC em inglês. Lembro-me de um amigo ter comentado que ele era muito inteligente, mas para mim saber o abecedário antes de completar 3 anos é o esperado aqui em Macau, pelo menos na creche chinesa onde ele andou e onde a mana anda.
Ao mesmo tempo comprei um livro que ensinava os números de 1 a 10 e ele foi aprendendo. Sempre muito curioso e a fazer perguntas.

A escolha para ele prosseguir “os estudos” não recaiu no único jardim de infância português do território ao contrário do que muita gente poderia pensar. O meu filho exigia mais do que brincar e sei que se sentiria “demasiado livre” se fosse para lá e eu também queria que ele aprendesse mais línguas, o chinês e o inglês, que além do português fala desde que nasceu. Portanto com 3 anos e a falar 3 línguas é mais um sinal de ser génio, certo? ;)

Ele não entrou na escola inglesa que eu tinha escolhido porque o meu boneco é muito envergonhado e não fala com quem não conhece. Ora se isto é muito bom para mim, não o foi no caso onde já me faltava o Factor C que aquela escola exige e que eu só descobri mais tarde e não pude tentar encontrar o tal factor a tempo... Na entrevista de observação da referida escola o meu menino entrou mudo e saiu calado e nem comigo ele falava quando se apercebia que havia alguém a observar.

Escolha de recurso uma escola dita inglesa, cuja designação de ser inglesa consta do seu nome, mas que me deixou muitas dúvidas. Anyway, foi o possível sem ser o jardim de infância português. Escola localizada no centro da cidade, muito perto do meu trabalho, mas com professores filipinos cuja pronúncia inglesa não é propriamente a que queria que o meu filho aprendesse. Tinha imensos livros e um programa bastante completo que me pareceu demasiado para uma criança de 3 anos, por mais sedento de conhecimento que a mesma fosse.

A minha opção e a do papá foi que ele fizesse os trabalhos de casa que incluíam escrever o alfabeto, caracteres chineses e contar quantos desenhos (carros, etc) estavam lá (entre 1 e 10), mas nunca demos importância a que estudasse nem fizemos pressão.

Tinha uma semana completa de exames por semana e não era fácil. Optámos por ler com ele a “matéria” todos os dias na véspera do exame, pensávamos que era para ele ter apenas uma ideia do que se estava a passar, mas ele memorizava tudo. Foi o melhor da turma dele, algo tão importante que lhe entregaram uma taça na festa de encerramento do ano lectivo, onde a língua de comunicação mais usada foi o chinês com algumas frases em inglês e algumas músicas apresentadas pelos alunos em inglês, o que para uma escola dita inglesa deixa muito a desejar.

A decisão estava tomada e ele mudava de escola, novamente uma escola inglesa, mas onde o factor C não foi preciso, ou isso ou não tinham muitos alunos... Anda lá todo contente, aprende mais uma língua, o mandarim (o ano anterior na escola aprendia cantonense), melhorou imenso a pronúncia inglesa e o vocabulário que domina é cada vez maior. Noto que aprende mesmo a brincar e faz imensos trabalhos manuais e actividades de pintura e outras que nem sei bem o que são, mas vai aprendendo e, o mais importante para mim, adora a escola e está FELIZ!

O meu boneco, agora com 4 anos e meio, sabe o abecedário todo em português e inglês, conta perfeitamente de 1 a 100 e sabe a sequência em centenas até ao 1,000. Fala português, inglês e cantonense e já tem um bom vocabulário de mandarim, sabendo ainda meia dúzia de palavras em francês (que eu lhe ensino a pedido e na escola os parabéns são sempre cantados em inglês, português, francês e mandarim, daí o interesse pelo francês). Não lê, mas já reconhece muitas palavras (a mim parece-me ter uma boa memória visual) e escreve o nome dele, o da mana, o meu e o do papá, além de outras coisas que às vezes se lembra. Tem dificuldade em fazer algumas letras que escreve quase sempre ao contrário, como o S, o N e o Z, de resto não se engana. Ainda sabe fazer pequenas contas de somar e subtrair que começaram a aprender há pouco mais de um mês. Face isto tenho ou não em casa um pequeno génio de 4 anos e meio?

35 comments:

mãe tataruga said...

O teu boneco com 4 anos e meio sabe mais que eu:D
Por aí as escolas devem ser bem mais rigorosas que por cá.
Beijinhos

Jane & Cia said...

pequeno não Grande Génio, tantas línguas....!

;)*

O importante é não forçar e não exigir... não exercer pressão... (eu sei que tu não o fazes, mas às vezes as pessoas de fora começam a cobrar a quem já tanto faz)...

Beijinhos Kissis Baisers 親吻 亲吻 (espero não tar a dizer nenhuma asneira... fui ao Babel Fish)

Fica bem e cuida e mima essa tua pequena grande maravilha

Costinhas said...

Se é génio ou não, não sei, mas que é muito inteligente e é bem estimulado por essas bandas ai isso é sem sombra para dúvidas!

Mas saber isso tudo e ser feliz, isso sim é importante! :)

Beijinhos!

(E ando eu aos pulos por ter descoberto que a minha aprendeu a escrever o nome dela sozinha :op)

Sandra said...

Serei eu a homónima?!...

Olha, de facto é espantoso! O meu não é tão curioso, mas aprende a grande velocidade. Mas a imposição não resulta com o meu, agora se tiver brincadeira à mistura aprende num ápice.

O meu também já escreve o nome dele, incentivado lá no colégio, mas algumas letras ele escreve-as em "espelho". A minha cunhada que é professora diz que isto é tipíco da idade deles.

E quanto à timidez, a descrição do teu aplica-se ao meu como uma luva! Se bem que noto que ele desabrochou bastante, neste aspecto, desde que o irmão nasceu.

Línguas por esta banda, só o Português e algumas palavras de Inglês e a meu ver é o bastante para já!

E com uma mãe tão babada só pode ser feliz!

Beijinhos e gostei de te ler!

Sandra

Alexandra Silva - Portugal said...

Concordo com a Costinhas, é bastante inteligente, mas génio será o filho de um amigo do meu marido que tem 4 anos: conta até mil, faz múltiplos, contas de subtrair e somar, sabe as bandeiras dos países todos e já junta letras para ler (sem os pais o terem incentivado muito a conselho da educadora!)E agora, imagina, aprendeu a jogar xadrez!!

Marita said...

Fiquei muito bem impressionada!
O boneco tem uma grande capacidade de aprendizagem.
É com certeza um pequeno grande génio!
E se ele se interessa por aprender as coisas isso é muito bom!
Parabéns! Tens uns filhos que só te dão motivos de orgulho!

Beijinhos

mamã coelha said...

O interesse é de facto mto importante. Por isso, dá-lhe asas e deixo aprender, perguntar.
Excelente! Parabéns.
Bjinhos

vera said...

olá

hii é mesmo um géniozinho :)

assim nunca vais ter problemas com ele para os estudos!

jocas
vera

Bia said...

Um pequeno grande génio! Jinhos fofos apertadinhos

Sorrisos da minha Alma said...

Só tens motivos para estares orgulhosa com ele. E há que lhe estimular esse alegria contifa em ti.
Beijo grande

maria-joão said...

Sem sombra de dúvidas. Um pequeno grande génio.

Anabela & Lara said...

eu não diria que tens um pequeno génio, mas sim um GRANDE GENIO DE ANOS E MEIO.

jocas

Anonymous said...

Sem duvida alguma que é mesmo muito inteligente e que é bem estimulado! Fiquei de queixo caido pela quantidade de linguas que ele fala, eu bem tento que os meus falem o portugues para alem do ingles e até agora nao tem corrido bem, talvez por falta de estimulo suficiente, não sei.
E tu, com todos os motivos para seres uma mãe muito babada pq para alem da inteligencia e capacidade de aprendizagem, é um menino feliz :)
Beijinhos!

Pensamentos Felizes said...

Um grande génio sem dúvida :)
Muitos parabéns!
bjs

Bia said...

Respondendo á tua pergunta, ele está a viver com a avó paterna.
Ele foi entregue pela minha irmã a uma institução social, tinha 5 mesinhos e eu ia visitá-lo todas as semanas (e ainda o visito). Tentei tudo para o tirar de lá mas quando consegui ele já tina 1 aninho, tomei conta dele em pequenino até aos 2 aninhos, foi quando nasceu a irmã que ele foi viver com a avó, agora ele vai fazer 5 anos em Abril mas será sempre o "meu" bébé. Agora vejo-o todas as semanas, vou sempre a casa da avó. Só que neste momento ele está bem e quem precisa de ajuda é a menina, e é dela que tomo conta agora. Afeiçoei-me muito aos meninos! adoro-os e não compreendo como a mãe pode ser tão egoísta, leva uma vida errada desde os 14 anos, todos na família a ajudaram e ajudam, só ela não muda e são desintóxicações umas atras das outras. Está com uma cirrose mas não aprende! não sei mais o que fazer. Jinhos

Peste said...

Gostava de pedir que divulgasse e participasse na campanha de benificiência que lancei no meu blog à Ajuda de Berço.

http://coracaonasnuves.blogspot.com/

Grata

Rita said...

O importante é ser feliz e se ele gosta de aprender acho lindamente que tenhas opções onde o possas estimular!
Beijocas

margarida said...

Realmente sabe imensas coisas.
E, desde que não seja por obrigação, claro que pode aprender sempre mais.
O que importa mesmo é que ele viva feliz e não se sinta pressionado.

bjinhos

Sandra said...

Belo menino que aí tens...
muitos , muitos parabéns...

:)

bjs
Sandra

As minhas melodias said...

:0)
Se se sente feliz é que interessa :0)
Sabe mais linguas que eu :0)
Bjs

DIANA - MÃE DA MARIA said...

Se é! Parabéns
bjs babados

Teresa said...

Quem me dera...o meu sabe português e é mais uma aproximação a espanholês...
Beijinhos

Cláudia said...

Temos pequeno Génio mesmo :)
Eu adorava saber imensas linguas...
Mas só arranho com o Ingles :)
Beijinho

Patrícia M said...

Tem todo o ar de géniozinho, sim!! Tens razão...
E as escolas também ajudam muito...

Bjs

Ana Rita said...

Olá!!! Mas que espectáculo!!! Muitos parabéns à mãe babada e ao pequeno génio! Já se pode adivinhar um futuro brilhante! Beijokas

Carla Iglesias said...

Olá Sandra,
Ele é realmente um miudo bastante dotado. E é bom porque parece-me que além de ele ter a facilidade de aprender rapidamente ele gosta mesmo de aprender não é?
Vai ser optimo para o futuro dele, dominar tantas linguas.

Beijinhos
Carla
PS. Fui ao teu novo blog culinária, e adorei. Vou experimentar já o tiramisu!

Tânia by Cyprus said...

Meu Deus o que é isto?!??! Temos "crânio"! Fiquei impressionada, a sério.
Fizeste bem em mudá-lo... aquilo era demais.
Bjs e bom fim-de-semana

Gabriela said...

É um pequeno génio, não há dúvidas!
Saber línguas é uma mais-valia. Dar-lhe-á mais possibilidades de integração no mundo social.
Estimular uma criança para o que parece ser já uma aptidão é, não só um dever, mas uma obrigação dos pais. É sinal que estão atentos ao desenvolvimento intelectual das suas crias.
Boa!
Beijocas
Gabriela

Luísa said...

Isso tudo e ser feliz é sem dúvida uma benção
um grande beijinho para vocês

liliana (minhadiana) said...

oi. bem vens de longe...
não faz mal passares pelo meu blog, é bom conhecer mais alguém.

um génio em casa, aí devem ter outros estímulos que não aqui por portugal...e se calhar estamos a perder com isso.
beijocas
lili e diana

Amélia do Benjamim said...

Pois é mesmo a brincar que eles aprendem... mais a vontade de saber dá nisso, agora descalça lá a bota de teres um géniozinho em casa! Loooolll
O Benjamim diz os algarismos salteados e tem uma autêntica paixão pelo numero 5, que repete, repete...
Beijinhos

Ana said...

Bolas o teu filho eh mesmo muito inteligente.
Eh muito bom aprender varias linguas mais tarde isso vai-lhe abrir muitas portas.
Beijinhos.
Ana Felpuda

edelweiss said...

Sandra, é tudo uma questão do programa da escola. Não estou a dizer que o teu pequenito não é inteligente, se aprende com facilidade é porque é, mas o programa aqui na escola internacional é igual, o meu acabou de fazer 5 anos e é suposto acabar o ano lectivo a saber ler.

RAlabaça said...

Olá,
Que inteligente que o teu menino está, a continuar assim tem um bom futuro, se a mana saír a ele, tu vais para a reforma mais cedo!!

Folgo em saber que estão todos bem.

Beijinhos

cips said...

Bolas...até eu estou babada, e ele não é meu filho...
Bj