Monday, September 25, 2006

PIQUENIQUE

O meu boneco é curioso
Como todas as crianças
Gosta de novas experiências
Gosta de experimentar coisas novas
Não sabia o que era um piquenique
Macau não é o sítio ideal para tal
Muito calor, muita humidade
Viu pessoas no jardim a comer
A curiosidade ao observá-los
O pedido para fazer igual
E o ursinho Pooh
Também faz piqueniques
A promessa da mamã
O dia desejado chega
Tudo muito improvisado
Que a mamã é um pouco preguiçosa
E não gosta de piqueniques
Uns pacotes de sumo, outros de chá
Pão, presunto, salada de grão, salada de massa
Tudo coisas que ele gosta
Afinal era o seu primeiro piquenique
Não comeu quase nada
A brincadeira chamava
O comboio para trepar
Os escorregas, os “bichos” que balançam...
Tanta coisa para o distrair
A mana que adora estar sentada
No banco de pedra do jardim
Mas que não chega à mesa igualmente de pedra
E que devorou um sumo compal de manga
Que o “menú” (mano) queria
E que quase deu lugar a birra
Mas que acabou por aceitar
Beber outro
Para podermos lá continuar
A comer e a brincar...
Brincar...
Brincar muito

Data do piquenique: 2006/09/17

2 comments:

Miduxe said...

Sumo compal, tens aí? Eu encontrei no Luxemburgo sumos exportados de portugal horriveis que nada têm a ver com o que se bebe no País, como é possível importar produtos nossos com tão mà qualidade, não percebo...
os da compal são belissimos....Que saudades.
bjs gulosos

Amélia said...

E como eles adoram piqueniques. Lembram-se para sempre e pedem mais... loooll
Ainda bem que encontraste um sítio.
Beijinhos.